Olha! Então mas a culpa não era do Marítimo?!

O vice-presidente do Sporting, Paulo Pereira Cristóvão, foi constituído arguido no caso em torno do árbitro José Cardinal.

De acordo com a RTP, a unidade nacional de corrupção esteve a investigar a casa e a empresa do vice-presidente, e ainda a sede do Sporting, tendo depois decidido constituir Paulo Pereira Cristóvão como arguido ao caso.

O incidente está relacionado com os dois mil euros que foram depositados na conta José Cardinal, tendo o árbitro sido retirado da partida entre o Sporting e o Marítimo, para a Taça de Portugal.

Tenho só uma pequena questão a colocar…

Então mas não tinha sido o Sporting a fazer a denúncia?

Não me digam que afinal a corrupção no futebol português não é obra do Marítimo…

HBarreiros

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: